Viajando com transporte gratuito

Em fevereiro de 2006, marquei uma viagem com amigos para um vilarejo no sul da Bahia. Não vingou. Um a um começou a arranjar empregos e minhas férias estavam fadadas a serem mais do mesmo, no Rio.

Uma semana antes de ficar de pernas pro ar por 20 dias, o travel bug começou a incomodar e entrei no site de algumas companhias aéreas. A Gol estreava um voo internacional a um preço baixíssimo. O destino: Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. A chamada piscava em um banner animado no topo da página.

Bolívia? Queria ver o deserto de sal, claro. Mas e o resto? Não sabia muito. Comecei a entrar em vários sites e pegar dicas de viagens. No dia seguinte tinha a passagem comprada por impulso e um roteirinho que virei a noite fazendo.

Continuar lendo