Joguinho português-malaio-indonésio

Os portugueses foram de uma ambição obscena lá pelos 1500 e 1600, a gente já sabe e já falei sobre isso num longo texto chato aqui. Mas agora, por esses lados (estou na ilha de Java), está caindo a ficha de que o império e as influências foram ainda maiores do que eu esperava. Vê só, as línguas da Malásia e da Indonésia são muito similares. E daí que nos dois países eu tenho encontrado palavras pra lá de familiares. Vai aqui uma listinha, tenta descobrir o que significa. Um ponto pra cada acerto, valeeeendoooooooo!

almari

baldi

bangku

Continuar lendo

Ele existe!

Vim até Bornéu, aquela ilha que tem no tabuleiro do War, só pra vê-lo. E tive sorte. Não que seja muito complicado encontrar aqui o macaco proboscídeo – mais conhecido como macaco narigudo na minha roda de amigos. Mas o bichinho é tímido, o que torna complicada qualquer tentativa de aproximação no meio da selva.

Foi em uma das primeiras incursões à floresta que encontrei essa figura, no Parque Nacional de Bako, na parte malaia da ilha de Bornéu. Para os cientistas, nasalis larvatus. Para os malaios, bekantan ou o simpático codinome monyet belanda (macaco holandês). Como a Malásia foi ocupada por portugueses, holandeses, britânicos e japoneses, o povo daqui resolveu que o macaco narigudo com suas feições rosadas e barrigas protuberantes pareciam mais com os holandeses. Piadas racistas da época.

Macaco probscídeo dando um rolê

Macaco probscídeo (fêmea) dando um rolê

Continuar lendo